Cidadão

Prefeitura vai adquirir 95 toneladas para o Banco de Ração

Serão atendidas famílias em vulnerabilidade social, entidades e protetores independentes cadastrados no programa; preço máximo da licitação é de R$ 441 mil

Pela primeira vez, desde que foi instituído, em 2018, o Programa Banco de Ração, da Secretaria Municipal do Ambiente (SEMA), abre uma contratação para adquirir alimentos destinados a animais em Londrina. Todas as famílias, entidades e protetores independentes de animais cadastrados no programa serão beneficiados, em breve, com a distribuição de 95 toneladas de ração para cães e gatos. Antes, as rações eram provenientes apenas de doações.

Com preço máximo de R$ 441 mil, a licitação para contratação das empresas responsáveis pelo fornecimento irá ocorrer via Pregão nº 0209/2020. A abertura dos envelopes está marcada para o dia 31 de agosto. A publicação do Aviso de Licitação foi feita nesta sexta-feira (14), no Jornal Oficial do Município, edição nº 4.136, no portal www.londrina.pr.gov.br.

Com a iniciativa, inédita, uma quantidade significativa de ração será distribuída para atender a cães e gatos dos beneficiários do programa, entre outras demandas, e todas as regiões da cidade serão contempladas pelas ações. Os recursos para aquisição são provenientes do Fundo Municipal de Proteção aos Animais (FUPA) e do Fundo Municipal do Meio Ambiente (FMMA), viabilizados pelo Conselho Municipal do Meio Ambiente (CONSEMMA) e Conselho Municipal de Proteção e Defesa dos Animais (COMUPDA).

De acordo com o secretário municipal do Ambiente, José Roberto Behrend, a licitação para compra de ração é mais um marco da atual gestão da Prefeitura, que vem fortalecendo e ampliando suas políticas públicas de proteção aos animais. “Essa é a primeira vez que abrimos uma contratação desse tipo para o Banco de Ração, que antes contava apenas com doações. Trata-se de uma iniciativa importante e viabilizada com grande sensibilidade e contribuição dos conselheiros municipais e vereadores. Para isso, foi necessário promover alterações na legislação do programa, que agora passou a permitir a aquisição destes gêneros alimentícios através de licitação. Muitos animais serão atendidos pela iniciativa, que presta suporte para famílias em vulnerabilidade”, salientou.

Behrend ainda informou que as entregas das 95 toneladas de ração serão feitas conforme o desenvolvimento do programa e demandas existentes. E os produtos também serão utilizados para suprir as necessidades de rotina da Diretoria de Bem-Estar Animal (DBEA), da SEMA, responsável pela gestão e ações do programa. “Haverá compra de ração comum e tipo premium, que possui maior teor nutritivo e é utilizada para situações especiais como animais resgatados que precisam ser reestabilizados”, detalhou.

O Programa Banco de Ração é gerido pela SEMA e hoje atende 140 famílias, 203 protetores de animais independentes, e também entidades deste segmento que atuam em Londrina. Para poder ser cadastrado, os interessados devem cumprir alguns critérios estabelecidos, e a equipe responsável pelo projeto verifica as informações apresentadas para que as doações possam ser realizadas de fato.

Todos os detalhes estão disponíveis ao público na página do Banco de Ração, no Portal da Prefeitura. Há seções específicas para cadastramento de ONGs e protetores independentes de animais, e também para as famílias em estado de vulnerabilidade alimentar e nutricional que possuem animais em Londrina.

Sobre o programa – O Banco de Ração visa captar doações de produtos e gêneros alimentícios, e também aceita cessão gratuita de roupinhas, remédios, coleiras, guias, casas, caixas de transporte, brinquedos, produtos de limpeza e utensílios diversos para os animais. O foco é o atendimento a famílias em situação de vulnerabilidade econômica e social.

O programa foi implantado pelo prefeito Marcelo Belinati, por meio da Lei nº 12.718/2018, e regulamentado pelo Decreto Municipal nº 1.454. A SEMA é responsável pela coordenação, organização e estruturação das ações, bem como pelo credenciamento e acompanhamento dos beneficiários cadastrados.

Etiquetas
Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Compartilhamentos