Cidade

Sistema Eletrônico de Informação é implantado na Prefeitura

Objetivo do novo programa de trâmite eletrônico é agilizar o andamento de processos e reduzir o consumo de papel

 

A Prefeitura de Londrina, através da Assessoria de Modernização Administrativa da Secretaria Municipal de Gestão Pública, oficializa nesta segunda-feira (21) o Sistema Eletrônico de Informação (SEI). No mesmo dia, o Grupo de Trabalho (GT) responsável pela implantação do programa promove uma ação de sensibilização com os servidores municipais. O objetivo é mostrar a importância do SEI como forma sustentável e moderna de conduzir e gerenciar os processos internos.

seiP

Através da implantação do Sistema, será possível realizar o trâmite eletrônico dos processos da Prefeitura, tanto da administração direta como indireta. Para acesso ao SEI é preciso estar conectado à internet e ter um cadastro prévio, como servidor municipal ou fornecedor externo. Além disso, a assinatura eletrônica emitida possui validade legal e garante segurança aos documentos emitidos.

O programa SEI é um software livre desenvolvido pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região e é utilizado em outros 50 órgãos públicos. No final de 2014, o programa foi cedido para a Prefeitura de Londrina sem nenhum custo. Desde então um Grupo de Trabalho com servidores das secretarias municipais de Gestão Pública, Recursos Humanos, Planejamento, Orçamento e Tecnologia, e Procuradoria Geral tem trabalhado com o sistema.

Segundo o coordenador do GT, Newton Hideki Tanimura, a equipe pretende disseminar a cultura de gestão de processos em toda a Prefeitura. “Após a oficialização do SEI, o grupo vai auxiliar as pastas que tiverem interesse em começar a utilizar o sistema, substituindo gradativamente o Sistema Integrado de Processos (SIP). Nossa meta é inserir no SEI, até março de 2016, ao menos cinco tipos de processo de maior abrangência”, explicou.

Para reforçar a necessidade de proteger o meio ambiente e utilizar medidas sustentáveis, o GT também promove a ação “Salve uma árvore” a partir desta segunda-feira (21). A organizadora e integrante do Grupo, Liz Dayane Paludetto Rodrigues, explicou que a economia de papel obtida através do SEI pode fazer um grande impacto tanto no orçamento da Prefeitura quanto no ambiente de trabalho, com mais organização dos espaços. “O gasto atual da Prefeitura com folhas de papel representa uma quantidade grande de árvores. Com o novo sistema pretendemos reduzir ao máximo possível, conscientizando as pessoas”, afirmou.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Compartilhamentos