Cidadão

Dia D da Campanha Nacional de Multivacinação acontece neste sábado (20)

Dez UBS estarão abertas, das 8h às 14h, para atender a população; também será feita a imunização contra poliomielite, por meio da campanha nacional que está em vigor

Neste sábado (20) acontece o Dia D da Campanha Nacional de Multivacinação, incluindo a imunização contra a poliomielite (paralisia infantil). Em Londrina, a iniciativa será realizada pela Secretaria Municipal de Saúde, que abrirá dez Unidades Básicas de Saúde (UBSs), das 8h às 14h, para atender a população. Não é necessário fazer agendamento antecipado.

Participarão da iniciativa as UBSs do Vivi Xavier e João Paz (região norte); Itapoã e Eldorado (sul); Armindo Guazzi e Marabá (leste); Alvorada e Santa Rita (oeste); e Guanabara e Centro (centro).

Foto: Vivian Honorato

O Dia D visa atualizar a carteira de vacinação de crianças e adolescentes de zero a 14 anos, de acordo com o Calendário Nacional de Vacinação. Neste dia, também serão aplicadas a vacina contra poliomielite, nas crianças de um a quatro anos de idade, público-alvo da campanha.

No ato da vacinação, a criança e o adolescente devem portar um documento pessoal com foto ou certidão de nascimento, além da carteira de vacina.

As vacinas disponíveis são: Hepatite A e B, Penta (DTP/Hib/Hep B), Pneumocócica 10 valente, VIP (Vacina Inativada Poliomielite), VRH (Vacina Rotavírus Humano), Meningocócica C (conjugada), VOP (Vacina Oral Poliomielite), Febre amarela, Tríplice viral (Sarampo, Rubéola, Caxumba), Tetraviral (Sarampo, Rubéola, Caxumba, Varicela), DTP (tríplice bacteriana), Varicela e HPV quadrivalente (Papilomavírus Humano).

Para os adolescentes, estarão disponíveis as vacinas HPV, dT (dupla adulto), Febre amarela, Tríplice viral, Hepatite B e Meningocócica ACWY (conjugada). As vacinas têm indicação específica para cada idade e para quem não tem o esquema completo e integram o Programa Nacional de Imunizações (PNI) e estão registradas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

As vacinas contra a Covid-19 também serão aplicadas, para as crianças e adolescentes que precisarem. Elas podem ser administradas de maneira simultâneas ou com qualquer intervalo com as demais vacinas do Calendário Nacional de Vacinação, na população a partir de três anos de idade.

Etiquetas
Mostrar mais

Dayane Albuquerque

Gestora de Comunicação - Jornalista da Prefeitura Municipal de Londrina, especialista em Comunicação Organizacional

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Compartilhamentos