Sem categoria

Aluna da rede municipal é premiada no 5º Concurso de Charges do Folha Cidadania

Mais de 900 produções foram inscritas por estudantes do 5º ano; premiação será na quinta-feira (27) e os vencedores terão suas charges publicadas na Folha de Londrina

A estudante londrinense Thayná dos Santos Carias, do 5º ano da Escola Municipal Ruth Ferreira de Souza, foi uma das vencedoras da 5ª edição do Concurso de Charges promovido pelo Grupo Folha de Comunicação, por meio do programa Folha Cidadania. Seguindo a temática do concurso, que neste ano foi “Rede Social x Saúde…E agora?”, a aluna teve sua produção selecionada entre as 600 charges de Londrina, que foram inscritas por 84 escolas municipais, das áreas urbana e rural. Ao todo, participaram da ação 900 trabalhos, incluindo outros três municípios: Assaí, Cambé e Jataizinho.

A ação é direcionada a alunos do 5º ano do ensino fundamental, que fizeram as charges em sala de aula, sob supervisão de professores responsáveis. A londrinense Thayná foi orientada pela professora Angela A. Guerra, da Escola Municipal Ruth Ferreira de Souza, que fica no Parque Universidade, região oeste de Londrina.

Agora, as quatro charges ganhadoras, sendo uma de cada cidade, serão premiadas em uma cerimônia que será realizada nesta quinta-feira (27), às 14 horas, no Auditório da Associação Comercial e Industrial de Londrina (ACIL). O endereço é Rua Minas Gerais, 297, centro. Além disso, as charges premiadas serão publicadas e ganharão destaque nas páginas da Folha Cidadania, que circula no jornal Folha de Londrina, na edição do dia 2 de julho. Os professores responsáveis também serão premiados.

O objetivo do concurso é estimular a criatividade e o talento artístico entre os estudantes, e incentivar a produção de caricaturas trabalhando a linguagem das charges nas escolas. A ideia é desenvolver junto às crianças o pensamento crítico e o senso de humor, características marcantes desse estilo. As atividades da 5ª edição ocorreram de 19 de março a 26 de abril, em parceria com as secretarias municipais de Educação de Londrina e das cidades participantes.

O tema da vez, “Rede Social x Saúde…E agora?”, buscou estimular a reflexão sobre o uso excessivo das redes sociais e como esses mecanismos se relacionam com o cotidiano da sociedade atual, podendo afetar a saúde das pessoas, com acesso de smartphones, notebooks e plataformas digitais.

No concurso, as charges foram analisadas por uma comissão julgadora formada por profissionais das áreas de Design e Arte, docentes da Universidade Estadual de Londrina (UEL) e da Faculdade Pitágoras. Foram levados em conta os fatores criatividade, senso crítico, desenvolvimento e impacto visual.

De acordo com Andrea Militão, que integra o apoio pedagógico da gerência de Formação Continuada, da Secretaria Municipal de Educação, todas as escolas da rede municipal recebem exemplares da Folha de Londrina. “Os materiais ficam disponíveis aos professores e alunos nas bibliotecas e também são utilizados para abordagens em sala de aula, conforme os conteúdos que estão sendo aplicados. No caso do quinto ano, a charge foi um dos elementos tratatos, já que foi o foco deste concurso”, disse.

Segundo a assistente de projetos da Folha de Londrina, Nathália Sheguera de Oliveira, o 5º Concurso de Charges teve número recorde de inscrições, entre todas as edições, ultrapassando a marca de 900 trabalhos enviados. “A iniciativa vem crescendo ano após ano, fazendo parte do já tradicional projeto Folha Cidadania, que tem 20 anos de existência”, destacou.

Para a imprensa: outras informações podem ser obtidas com Andrea Militão, da Secretaria Municipal de Educação, pelo telefone 3375-0113

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Compartilhamentos