CoronavirusDestaques

Assistência Social recebe doação de Equipamentos de Proteção Individual

Protetores faciais começarão a ser utilizados imediatamente pelas equipes de mais de 20 serviços

Na manhã desta sexta-feira (26), o chefe de gabinete, Tadeu Felismino, recebeu uma doação de quase 500 protetores faciais adquiridos pela Organização da Sociedade Civil de Interesse Público Instituto Adama. Os produtos servirão como Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) para os servidores que atendem na linha de frente da Secretaria Municipal de Assistência Social.

Foto: Emerson Dias

Segundo a secretária municipal de Assistência Social, Jacqueline Micali, eles começarão a ser utilizados imediatamente pelas equipes de mais de 20 serviços da assistência. Esses grupos somam cerca de 500 profissionais que não pararam de atender as famílias em situação de vulnerabilidade social.

Entre os profissionais que receberão os EPIs estão os servidores dos CRAS e CREAS que atendem pessoas vítimas de violência, como deficiência, idosos e crianças; as equipes de atendimento domiciliar e outras. “Nós temos que oferecer aos nossos trabalhadores, que estão na ponta, segurança tanto em meios para atenderem à população, quanto de eles preservarem a própria vida. Esses equipamentos são muito bem-vindos e os funcionários que estão atendendo a população se sentirão contemplados”, disse Micali.

Foto: Emerson Dias

A coordenadora do Instituto Adama, Denise Caldeirão, explicou que a compra dos protetores faciais aconteceu por intermédio da Secretaria Municipal de Gestão Pública, que está trabalhando com as licitações durante a pandemia. Dessa maneira, houve um contato preliminar com o Instituto, que se prontificou a ajudar e adquiriu os 470 protetores faciais ao custo de aproximadamente R$ 8 mil. “O processo licitatório é demorado, mesmo em um regime de urgência, e nós conseguimos atender o pedido em um tempo menor. Isso é importante, porque nós somos também parte do Município, nossos funcionários residem e trabalham aqui. Além disso, nós trabalhamos em rede e acreditamos que cada um pode contribuir da sua forma, por isso estamos aqui dando a nossa contribuição”, ressaltou Caldeirão.

Além desta doação, o Instituto ADAMA já ajudou a Prefeitura de Londrina em outra oportunidade. Em 5 de maio deste ano, a Organização doou 300 macacões brancos impermeáveis para uso hospitalar, 1.500 máscaras de tecido (algodão) com amarração e com elástico, outras 3 mil máscaras descartáveis e estéreis, além de 50 óculos protetores para os profissionais da Secretaria Municipal de Saúde. Eles ajudaram também os profissionais do Hospital Universitário (HU) da Universidade Estadual de Londrina dando outros 300 macacões.

Foto: Emerson Dias

Para o chefe de gabinete da Prefeitura de Londrina uma das maiores dificuldades encontradas no setor público é a demora no regime de compras, porém ela não é a única. Além disso, outro fator agravante no momento é a grande procura por materiais como os EPIs, o que acaba gerando uma inflação de preços praticados no mercado. “Então, o fato de uma empresa se disponibilizar para fazer uma compra como essa e doar para um setor da Prefeitura é espetacular. Só temos a agradecer em nome do prefeito por mais essa doação”, destacou.

Adama – É uma empresa global do setor de agroquímicos instalada em 120 países. Durante este período de pandemia, ela tem ajudado a população dos locais em que está instalada, seja através de doações de EPIs, e também de outras maneiras. O único país que conta com um Instituto para atender crianças e adolescente é o Brasil, sendo que a sede da OSCIP fica em Londrina. O espaço onde o Instituto Adama funciona foi cedido pela Prefeitura de Londrina à empresa. No local são realizadas diversas atividades com 250 crianças e adolescentes da região do Jardim Eucaliptos (zona leste de Londrina).

Participaram da entrega oficial, além do chefe de gabinete, Tadeu Felismino, a secretária municipal de Assistência Social, Jacqueline Micali, o vice-presidente do Instituto e gerente jurídico da Adama, Ricardo Barros, e a coordenadora do Instituto Adama, Denise Caldeirão.

Para a imprensa: outras informações podem ser obtidas com a secretária de assistência social, Jacqueline Micali, pelo 3378-0024.

Etiquetas
Mostrar mais

Ana Paula Hedler

Gestora de Comunicação, formada em Jornalismo pela Universidade Estadual de Ponta Grossa, especialista em Comunicação com o Mercado pela Universidade Estadual de Londrina e Mestre em Ciência Política pela Universidade Federal do Paraná.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Compartilhamentos