Cidadão

CAAPSML divulga recadastramento do Plano de Saúde e Previdência

Todos os servidores segurados, ativos ou inativos, e pensionistas deverão apresentar documentação comprobatória na autarquia

A Prefeitura de Londrina, por meio da Caixa de Aposentadoria e Pensões dos Servidores Municipais de Londrina (CAAPSML), publicou nesta semana a Portaria nº 236, que regulamenta o recadastramento do Plano de Seguridade Social. A medida atinge os servidores municipais, incluindo ativos e aposentados, pensionistas, e os segurados do Plano de Saúde. O recadastramento tem como objetivo atualizar os dados cadastrais e sociais do Fundo de Previdência Social e do Plano de Assistência à Saúde da CAAPSML.

O prazo para recadastramento será de 17 de setembro a 29 de novembro. Para o atendimento, que estará disponível de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 17h30, será necessário agendar o horário com antecedência. A previsão do órgão é que, a partir da próxima semana, o agendamento esteja disponível através do link www.agendacenso.com.br/londrina .

No ato do agendamento, o segurado poderá conferir os documentos que deverá apresentar, seus e dos dependentes, descritos na Portaria nº 236. A listagem completa também estará disponível no site da CAAPSML, http://caapsml.londrina.pr.gov.br .

O superintendente do órgão, Marco Antonio Baccarin, citou que a equipe responsável pela organização do recadastramento está mobilizando servidores de outras secretarias e órgãos municipais, para sensibilizar quanto à importância deste serviço. “A cada cinco anos, temos a obrigação legal de realizar este censo, algo que é determinado pelo Ministério da Previdência Social. Como o último foi realizado entre 2014 e 2015, no ano de 2020 temos o prazo final para encaminhar ao governo federal os dados que iremos coletar durante esta ação”, citou.

Baccarin destacou que o recadastramento vai permitir uma atualização e modernização dos dados referentes à previdência municipal e também do plano de saúde. “Vamos ampliar e melhorar a coleta de informações, com o uso de sistema que irá permitir a realização anual da prova de vida, assim como o INSS realiza. Faremos também o cadastramento biométrico, que inclui registro fotográfico e coleta das digitais, o que irá proporcionar ainda mais segurança na checagem das informações”, ressaltou.

De acordo com o superintendente da CAAPSML, outra medida inovadora desta edição é a formação de um banco de dados totalmente virtual, já que os documentos que os servidores, aposentados e pensionistas apresentarão em vias originais. Estes serão conferidos no ato do recadastramento, e armazenados em cópias digitais, por meio de escaneamento. “E, junto com este censo previdenciário, pela primeira vez incluímos o plano de saúde, cujo recadastramento nunca foi feito. Atualmente, o plano de saúde da CAAPSML possui um banco de dados deficitário, com várias fichas em papel preenchidas manualmente. Vamos modernizar o acesso a essas informações, que são essenciais, tanto dos titulares como dos seus dependentes, permitindo projeções e trabalhos em cima de números consistentes, para melhorar a eficiência do plano”, complementou.

Dado o número de servidores ativos, inativos e pensionistas, a expectativa da CAAPSML é que aproximadamente 14 mil pessoas participem do recadastramento. “Esperamos uma média de 250 pessoas por dia, que serão atendidas em um andar específico da CAAPSML, onde 25 funcionários estarão disponíveis exclusivamente para atendê-los”, citou Baccarin.

No caso de servidores, pensionistas ou segurados titulares do plano que possuam dificuldades de locomoção, ao realizar seu agendamento haverá a opção de solicitar o atendimento domiciliar. E os que estiverem fora de Londrina ou no exterior, sem previsão de retornar dentro do prazo do censo, poderão encaminhar ao órgão sua documentação comprobatória, mais declarações complementares, conforme orientações da portaria.

Caso o servidor, aposentado ou pensionista observe a necessidade de atualizar suas informações cadastrais, seja com inclusão ou exclusão de dependentes ou outras alterações, deverá realizar o procedimento na CAAPSML à parte do recadastramento.

Para os que não comparecerem dentro do prazo ou não apresentarem todos os documentos exigidos, haverá suspensão do pagamento dos salários, ou aposentadoria, ou pensão, a partir de dezembro. No caso dos segurados pelo plano de saúde, ocorrerá a suspensão do contrato.

Para a imprensa: outras informações podem ser obtidas com o superintendente da CAAPSML, Marco Antonio Baccarin, no 3376-2511.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Compartilhamentos