Cidadão

Central da Guarda Municipal recebe 129 denúncias de estabelecimentos abertos em dois dias

Os comerciantes estariam em desacordo com decreto municipal 346/2020; descumprimento pode gerar multa de até R$10.800,00 e fechamento do local

A Prefeitura de Londrina, por meio da Secretaria Municipal de Defesa Social, deu início à fiscalização em estabelecimentos comerciais que ainda insistem em permanecer abertos. De acordo com a Guarda Municipal, a central telefônica da instituição recebeu, durante a segunda-feira e até o final da manhã desta terça-feira(24), 129 denúncias de estabelecimentos de diversas naturezas que ainda estariam recebendo clientes.As fiscalizações estão acontecendo em toda cidade, inclusive na zona rural.

Foto: Bruno Amaral / Defesa Social

Neste primeiro momento os guardas municipais foram até os locais denunciados e conscientizaram os proprietários para que eles respeitassem as determinações. O decreto municipal 346/2020 determinou que boa parte do comércio da cidade fosse paralisado para evitar a circulação de pessoas. Só está autorizado o funcionamento de serviços essenciais como supermercados, farmácias entre outros. A ação faz parte das medidas de combate e prevenção por parte do governo municipal ao novo coronavírus (COVID-19).

A partir desta terça-feira, agentes da guarda municipal, Secretaria Municipal de Fazenda e Núcleo Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor de Londrina (PROCON-LD) vão intensificar o trabalho de fiscalização em conjunto. Quem ainda insistir em manter o estabelecimento aberto será multado e terá o fechamento imediato do local. A multa será calculada de acordo com o metro quadrado, sendo o valor mínimo de R$290,00 e o máximo de R$10.800,00.

A central 153 da Guarda Municipal continua recebendo as denúncias. A Ouvidoria do Município também disponibilizou um canal de recebimento através dos e-mails: ouvidoria@londrina.pr.gov.br e ogmlondrina@gmail.com.

Texto e foto: Bruno Amaral/Defesa Social

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Compartilhamentos