Cidadão

Servidores da saúde pública recebem suporte psicológico gratuito

Disque-Coronavírus agora possibilita a este público agendamento com psicólogos para suporte em plataformas on-line

Fatores como ansiedade, estresse elevado, medo, desgaste físico e emocional podem afetar a rotina de muitos profissionais da saúde que se dedicam diariamente a atendimentos relacionados, de alguma forma, ao novo coronavírus. Por isso, neste período de pandemia da Covid-19, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), em parceria com a Universidade Estadual de Londrina (UEL), ampliou o serviço de assistência psicológica a distância, com acesso via Disque-Coronavírus, para atender gratuitamente os trabalhadores da saúde pública. Além da escuta qualificada já existente para toda a população, a novidade são os encaminhamentos destes profissionais a um suporte especializado com psicólogos em plataformas on-line, quando for necessário.

A iniciativa está vinculada ao projeto de extensão Suporte Psicológico COVID-19, do departamento de Psicologia Geral e Análise de Comportamento da UEL, juntamente com a Pró-reitoria de Pesquisa e Pós-graduação da UEL, além de professores do curso de Design Gráfico e das Residências Multiprofissionais e em Psiquiatria do HU. Este projeto já vem sendo desenvolvido, desde março, para atender funcionários do Hospital Universitário (HU), pacientes infectados e familiares

Com a ampliação no atendimento remoto, agora os trabalhadores da área da saúde pública, de unidades municipais, hospitais e outros pontos que tratam do coronavírus, poderão ter acesso a este serviço gratuitamente. Isso vale para gestores, equipes de enfermagem, técnicos de enfermagem e de medicina, recepcionistas, cozinheiros, funcionários da limpeza, segurança, entre outros, que estão em contato, direta ou indiretamente, com as rotinas referentes à Covid-19.

Os interessados devem, inicialmente, ligar para o telefone do Disque-Coronavírus, pelo número 0800-400-1234 (ramal 1), que disponibiliza orientações gerais sobre a Covid-19, além de apoio de escuta qualificada com psicólogos da Prefeitura. A partir deste primeiro atendimento, também poderão, conforme análise do profissionais do Município, agendar horários com psicólogos voluntários do projeto. Os encontros são individualizados e o suporte poderá ser feito em diferentes formatos, por telefone ou internet, conforme cada situação. O apoio psicológico será disponibilizado em um encontro, podendo se estender até quatro encontros. Em casos onde seja necessário um suporte mais prolongado, para além das quatro sessões, serão dados outros encaminhamentos.

A psicóloga clínica e gestora de comunicação do projeto Suporte Psicológico Covid-19, Vanessa Ximenes, frisou que os atendimentos com especialistas não configuram sessões tradicionais de psicoterapia. “A ideia principal é fornecer um apoio especializado gratuito, de forma mais ágil, para contribuir de maneira positiva com a saúde dos profissionais que estão atuando, direta ou indiretamente, no enfrentamento ao coronavírus. Nosso projeto conta com a participação de cerca de 60 psicólogos voluntários capacitados a oferecer um atendimento embasado no acolhimento e escuta ativa, visando a redução de impactos emocionais frente a condição atual de pandemia”, salientou.

Segundo Ximenes, de forma geral, as jornadas de trabalho destes profissionais têm sido mais longas, intensas, com nível alto de desgaste e estresse. “A pandemia também é algo novo na rotina da saúde, então eles acabam sentindo ansiedade, medo de se contaminar e infectar suas famílias, insegurança e até mesmo frustração e revolta no trabalho. O apoio psicológico pode colaborar para aliviar essa pressão e buscar estratégias de enfrentamento diante de situações estressoras como a atual”, afirmou.

O projeto de extensão Suporte Psicológico COVID-19 terá duração de três anos, sendo que a proposta é continuar oferecendo ajuda especializada também no período pós-pandemia, que poderá gerar desconfortos e situações que afetem o emocional das pessoas.

De acordo com a coordenadora do Programa Saúde da Família (PSF) da SMS, Vânia Cristina da Silva Alcântara, a ampliação desta modalidade de suporte para os profissionais de saúde é mais uma maneira encontrada de facilitar o acesso a atendimento psicológico durante um período de incertezas. “Por conta das pressões sofridas pelos profissionais da saúde que lidam com a realidade da Covid-19, e dos prejuízos que podem ser causados ao estado emocional, é necessário que sejam criados mecanismos que venham para fortalecer os serviços voltados aos cuidados psicológicos para este público”, disse.

Para Alcântara, muitas situações e fatores podem influenciar o estado emocional dos trabalhadores da saúde, e as preocupações e o desgaste podem se estender às famílias. “Por isso, este serviço vem para agregar aos atendimentos já proporcionados pelo Disque-Coronavírus, que vem ajudando muitas pessoas a acessarem informações precisas sobre medidas de segurança, protocolos, acesso a serviços em saúde, e terem também acesso a auxílio psicológico”, complementou.

Disque-Coronavírus – Os atendimentos do Disque-Coronavírus ocorrem de segunda a sexta-feira, das 7h às 22h, pelo número 0800-400-1234. O serviço é viabilizado em parceria pela Secretaria Municipal de Saúde e UEL. Ao todo, mais de 1.500 ligações já foram recebidas por este contato. Além de tirar dúvidas dos pacientes sobre os sintomas de coronavírus, os atendentes informam se é preciso ir até uma unidade de saúde, com base nas informações repassadas.

Também está disponível o chat inteligente Corona AI. Por meio de sistema automatizado com mensagens instantâneas, qualquer pessoa pode tirar dúvidas e obter informações, seguras e confiáveis, referentes ao coronavírus. A plataforma digital funciona 24 horas, no site https://coronaai.uel.br/.

Para a imprensa: outras informações podem ser obtidas pelo Instagram (@psicouel.covid) ou no perfil Suporte Psicológico UEL COVID19 no Facebook; ou com a coordenadora do Programa Saúde da Família (PSF) da SMS, Vânia Cristina da Silva Alcântara, pelo telefone 3372-9434

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Compartilhamentos