Cidadão

Pré-conferências virtuais da Assistência Social reuniram 1.000 participantes

Eventos foram realizados em formato híbrido, com reuniões virtuais e apoio presencial para usuários com dificuldades de acesso; todas as atividades seguiram os protocolos de proteção sanitária

Na terça-feira (29), o Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS) promoveu a décima e última pré-conferência municipal de Assistência Social. Realizada em formato híbrido, a reunião teve como objetivo ouvir e receber demandas da população atendida pelos serviços da rede socioassistencial, na área central. Anteriormente, as demais pré-conferências haviam sido realizadas em diferentes regiões da cidade, para públicos diversos como usuários, prestadores de serviços e trabalhadores do Sistema Único de Assistência Social (Suas).

Iniciados em 15 de junho, os encontros foram transmitidos pela plataforma Google Meet, e também contaram com pontos de apoio presencial, para os cidadãos com dificuldades de acesso à internet. Nesses locais, os eventos foram exibidos em telões para os usuários, sendo que todos os protocolos sanitários foram respeitados, incluindo o distanciamento social e o uso de máscaras. As transmissões presenciais foram realizadas em entidades civis e diversas unidades da rede socioassistencial, como os Centros de Referência da Assistência Social (CRAS), Centro Público de Economia Solidária, sede da Secretaria Municipal de Assistência Social e Centro Pop.

Ao todo, as dez pré-conferências contabilizaram 1.000 participantes, sendo 600 por meios digitais e 400 distribuídos pelos pontos de apoio presencial. Todos os presentes puderam expressar suas demandas, sugestões e questionamentos relativos à área da assistência social.  A série de eventos antecede a 14ª Conferência Municipal de Assistência Social, que acontecerá de 26 a 29 de julho, com o tema “Assistência Social: Direito do Povo e Dever do Estado, com financiamento público, para enfrentar as desigualdades e garantir proteção social”.

A presidente do Conselho Municipal de Assistência Social, Soraya de Paula Garcia, explicou que as pré-conferências servem como reuniões preparatórias, permitindo o aprofundamento de temas que serão discutidos no evento principal. “A participação dos inscritos foi muito positiva, indo além do que esperávamos. No decorrer das reuniões, que tiveram entre duas e três horas de duração, discutimos temas como as condições das famílias durante a pandemia, os valores dos benefícios sociais, a infraestrutura e os recursos humanos disponíveis na rede”, afirmou.

Ainda segundo Garcia, as contribuições oferecidas pela comunidade serão sistematizadas e apresentadas durante a 14ª Conferência Municipal de Assistência Social. “Todas as sugestões serão discutidas e votadas pelos representantes dos usuários, conselheiros do CMAS e representantes das entidades civis, para discutir quais são as propostas prioritárias”, pontuou. 

14ª Conferência Municipal de Assistência Social – Conforme o tema dessa edição, a 14ª Conferência tem como objetivos principais possibilitar debates para avaliação do contexto da Política de Assistência Social em Londrina; estabelecer diretrizes que nortearão este trabalho para o exercício do biênio de 2021 a 2022; e incentivar a participação dos usuários.

Realizado a cada dois anos, o evento também inclui a eleição para os representantes titulares e suplentes da sociedade civil que integrarão o quadro do CMAS na vigência do próximo mandato. A gestão atual será encerrada no mês de agosto desse ano. Serão eleitos, ainda, os delegados para as conferências estadual e nacional de Assistência Social.

Assim como as pré-conferências, a Conferência Municipal de Assistência Social será realizada em formato híbrido. Os interessados em participar das atividades poderão fazer suas inscrições, a partir de segunda-feira (5), por meio do formulário on-line que será publicado na página do CMAS (clique aqui). Quem tiver dificuldades para se inscrever pode contatar as unidades municipais de assistência social e solicitar auxílio aos servidores.

“O envolvimento da população é muito importante, pois é nas conferências que as pessoas têm a oportunidade de opinar e discutir sobre assuntos como orçamentos e políticas públicas”, ressaltou a presidente do Conselho Municipal de Assistência Social.

Para a imprensa: outras informações podem ser obtidas com a presidente do Conselho Municipal de Assistência Social, Soraya de Paula Garcia, pelo telefone (43) 3378-0008.

Etiquetas
Mostrar mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Compartilhamentos