Destaques

Prefeitura inicia novo contrato para executar serviços de pavimentação

Novo convênio com o Cindepar permitirá aplicação de micropavimento em várias áreas de Londrina; investimento é de R$ 4.996.406,50

Foi assinada, na terça-feira (6), a ordem de serviço para dar início a mais uma etapa de execução de micropavimentação asfáltica em vias urbanas de Londrina, totalizando 463 mil m² em recape por meio dessa modalidade. As melhorias irão beneficiar diferentes regiões da cidade, fortalecendo o programa de recuperação da malha viária municipal. A previsão é que os trabalhos comecem nesta sexta-feira (9), no Jardim União da Vitória, região sul, local onde a Secretaria Municipal de Obras e Pavimentação já vem atuando, nas últimas semanas, com uma série de outros serviços, incluindo reparos no asfalto.

O primeiro local atendido será a Rua dos Cozinheiros. Logo na sequência, também na região sul, as atividades vão para ruas do Conjunto Cafezal, de I a IV.

Este é o terceiro convênio firmado com o Consórcio Público Intermunicipal de Inovação e Desenvolvimento do Estado do Paraná (Cindepar), que é responsável pela execução dos serviços, desde 2017, quando teve início a parceria. A Prefeitura está investindo cerca de R$ 4.996.406,50 ao todo neste presente contrato. O prazo de execução é de 240 dias corridos, contados a partir do décimo dia da data de emissão da ordem de serviço.

Segundo o secretário municipal de Obras e Pavimentação, João Verçosa, após a conclusão deste terceiro contrato a Prefeitura alcançará a marca de, aproximadamente, 170 km em serviços de micropavimentação. “Este é um tratamento asfáltico que vem sendo muito importante, melhorando a vida útil das vias e fornecendo mais capacidade de impermeabilização à pista. A relação de custo-benefício é boa e a expectativa de duração é de 4 a 5 anos, o que gera economia aos cofres municipais e leva melhorias a várias regiões, proporcionando asfalto de mais qualidade à população”, frisou.

Uma das principais vantagens é que a Obras não está precisando retornar para fazer operação de tapa-buraco em locais onde já foi executada a micropavimentação. “O tapa-buraco é muito dispendioso ao Município e não traz resultado duradouro, pois a cada chuva precisamos voltar para refazer os serviços”, disse Verçosa.

O secretário ainda ressaltou que o Cindepar está sendo essencial para que a Prefeitura avance nas melhorias asfálticas. “Os resultados são expressivos. Este tipo de trabalho há muitos anos não era realizado em Londrina, e antes ficava concentrado apenas nas principais avenidas e na região central, relegando as periferias ao segundo plano. Assim, os bairros ficaram com o asfalto altamente deteriorado. A administração tem encarado o desafio com muita responsabilidade”, destacou.

Além do terceiro contrato, que está iniciando agora, já existe outro em fase de elaboração junto ao próprio Cindepar, para que mais serviços de micropavimentação beneficiem Londrina. A previsão é que cerca de R$ 4 milhões sejam investidos com recursos do governo federal.

Para a imprensa: outras informações podem ser obtidas com o secretário municipal de Obras, João Verçosa, pelo telefone 3372-4220

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Compartilhamentos